domingo, setembro 15, 2013

"Depois, quando souber já muitas coisas, quero ainda

simplesmente contemplar os animais, para que algo
da sua mutação se introduza nas minhas
articulações; quero ter uma existência breve
nos seus olhos que me seguram
e lentamente me soltam, serenamente, sem me julgarem."

Rainer Maria Rilke, As Elegias de Duíno, pág 121


BOM ANO PARA TODOS!

Nenhum comentário: